Juro ser teu cais

Pinterest
"A transa mais gostosa que eu já vi, foi a do teu riso fodendo com o meu juízo." E de repente essa frase não saí da minha cabeça, de repente ela se tornou meu lema, porque seu sorriso é mesmo implacável, então Davi Melo (seja lá quem for você), muito obrigada por colocar em palavras a definição para o sorriso mais belo que já vi na vida!
Quem diria que depois de tanto tempo eu ficaria feliz em sentir o nó na garganta, a respiração falhar e as borboletas no estômago? Pois é, já fazia alguns anos que não me sentia assim e agora me sinto viva e o riso me vem fácil! 

Sei que o tempo anda difícil para aqueles que amam, afinal a regra é não se importar, quem menos demonstrar vence o jogo de fingir amar, mas quer saber, que se dane esse jogo bobo! O amor não tem regras, ele não previsível, ele é somente sentido!


Por isso, te peço: me conta teus segredos, teus medos, anseios, quem foi seu primeiro amor, quem te fez desacreditar em um sentimento tão belo, seus sonhos, seu prato favorito, o que você gosta e o que desgosta. Me apresenta a sua família, me mostra seu refúgio, qual país quer conhecer, seu livro favorito, um filme, assiste séries? Me conta tudo o que sentir vontade de contar e prometo te contar o que há de melhor e pior em mim!

Aproveita e me conta se acredita em reencarnação, se não, no que acredita? Gosta de observar as estrelas? Acha que os signos dizem algo a respeito de nós? Ah, são tantas perguntas... E se sairmos para tomar um café, enquanto falamos sobre tudo isso? E quando a noite chegar, trocamos o café por um bom vinho!

Por favor me deixa te ver de cabelo bagunçado, de cara amassada após acordar e de voz embargada após algumas doses. Me deixa te ver sem essa banca de durão, me deixa ver suas fraquezas, te garanto que jamais as usarei contra ti! Tenho a certeza de que não importa o que faça sempre continuará belo, afinal sua beleza é externa e interna.


Vem cá moço, me deixa fazer do teu abraço abrigo e te juro permitir que faça de mim teu cais! Não tenha medo de se entregar para o amor, tenha a certeza de que eu já me entreguei, porque afinal sou assim, sempre o oitenta, jamais o oito. Não sei ser rasa, só sei ser oceano e se tem algo que aprendi nessa vida, é que sentimentos rasos nunca fizeram bons amantes. Se joga sem medo, que te juro que amor não vai faltar!

Ainda estou aqui

Reprodução: Pinterest

Eu sei, eu sei, já faz um bom tempo que não apareço por aqui. Também sei que o blog completou um ano de existência e quero deixar claro que me orgulho disso, que sou grata a cada leitor que temos, por isso em hipótese alguma pense que me esqueci daqui, afinal isso é impossível!

Tanta coisa aconteceu nesse tempo que estive fora, minha vida mudou completamente, houve momentos em que sorri feito boba e outros que chorei até não restar uma única lágrima. Sinceramente, ainda não sei como me sinto, ainda estou perdida dentro de mim, ainda tenho dias em que me amo e outros em que me odeio.

Deixe-me contar alguns segredinhos, apesar de aparentar que está tudo bem e que tenho um super ego, a verdade é que ainda tem dias que se mostram difíceis, dias em que a vontade é de ficar na cama até parar de doer, dias em que me odeio por ser quem sou, dias em que evito o espelho por não gostar da imagem que nele reflete, dias em que nem a maquiagem consegue fazer eu me sentir melhor, dias que a saudade fala mais alto que tudo e nesses dias me sinto terrivelmente sozinha, me afogando em mim mesma.

 O problema é que sempre me afundo no passado,  enquanto anseio o futuro e não vou mentir, tenho mesmo  essa mania de tentar afastar tudo e todos quando as  coisas começam a desabar. Admito também que sinto a  falta de alguém que a vida me tirou e foi esse alguém  que me segurou quando tudo pareceu ter acabado.  Porém, o estranho é a falta que sinto de alguém que  ainda não chegou, alguém que nem ao menos sei se irá  chegar, mesmo assim sinto falta do abraço e da  segurança que acreditei que essa pessoa vai me passar.

 Todavia, finalmente aprendi que mesmo nos dias ruins  tenho que prosseguir, mesmo que tudo desabe tenho que  seguir, afinal não adianta parar e se lamentar, isso não  resolve as coisas, isso não torna a dor mais suportável e  isso não me faz superar. 

 Talvez eu tenha mudado em vários aspectos, mas  acredite, continuo sendo a garota chorona, insegura,  impulsiva, que alimenta paixões platônicas, que planeja  o casamento perfeito, que come por ser ansiosa demais,  que tem o sangue quente, que se revolta e se arrepende.  Ainda sou a garotinha que chora escondido no quarto,  que gosta de ouvir histórias, que sorri para todos e acredita que um banho de chuva pode renovar a alma.

É, sem dúvidas eu mudei, mas claramente ainda existem vestígios da garota que um dia criou esse blog!

Wattpad

Citação:

"O amor não é uma brincadeira! Não é a suavidade das flores! É trabalho pesado, uma busca que nunca termina. Exige tudo de você, especialmente a verdade. Somente então lhe concede recompensas."

- A Casa de Hades.

Blog Archive