A Lista Negra, de Jennifer Brown

09:47


"Como sempre há tempo para dor, também sempre há tempo para cura." (pág. 179)

Livro: A Lista Negra
Escritor: Jennifer Brown
Páginas: 272
Gênero: Romance/ Drama
Editora: Gutenberg

A Lista Negra era um tipo de brincadeira de Valerie e seu namorado Nick, para lá iam os nomes de todos aqueles que pisavam nos dois, todos aqueles que de alguma forma os atingiam com suas "brincadeiras" grosseiras. Vítimas de bullying, os dois encontraram um no outro e em suas brincadeiras, um porto seguro, onde havia entendimento daquilo que os machucava.

Valerie e Nick costumavam brincar de imaginar as mortes de todos aqueles nomes que iam para lista, ao menos Valerie acreditava ser uma brincadeira! Nick selou um acordo silencioso de se vingar de todos aqueles que tanto os humilhou, um acordo tão silencioso que nem a própria Valerie foi capaz de notar que era real.

Numa manhã, quando nada pareci dar certo para Valerie, Christy, uma garota que já estava na lista há muito tempo, quebra seu mp3 de propósito. Ao chegar no colégio e contar a Nick o que houve, este se encaminha até a cantina para tirar satisfações com a valentona, ao menos é isso que Valerie acredita. Mas quando chegam lá, ela se depara com uma horripilante surpresa: Nick tem uma arma e começa a procurar e atirar em todos que estavam na lista!

Valerie fica em choque sem saber o que fazer, até que percebe que seu namorado ataca aqueles que estão na lista, ao notar que Nick caminha até Jéssica, Val não pensa duas vezes antes de se atirar na frente da garota com a intenção de parar o massacre. Após acertar a própria namorada, Nick se mata.

Val é obrigada a passar todo o verão numa Unidade Psiquiátrica. Mesmo tendo parado o massacre e salvado a vida de Jéssica, a policia e a imprensa local continuam achando que Val é culpada pelo o que houve e que o massacre foi uma tentativa de suicídio do casal.

Agora, sem Nick, Val é obrigada a continuar com a sua vida. Tendo de enfrentar os comentários maldosos ao seu redor, a falta de amigos, a dor pela perda de todos aqueles que morreram no massacre, a saudade e a culpa por Nick, e os problemas familiares.

O único apoio emocional que Valerie encontra vem por parte de seu terapeuta o Dr. Hietler. Até que Jéssica, começa a se aproximar de Val e tentar ajudá-la a enxergar que aqueles erros não eram dela! Val encontra apoio e libertação por meio da arte, isso graças a ajuda de Bea que é uma artista local que possui um atelie perto do consultório de seu terapeuta.

"Em alguns dias, chegar ao fim do dia é uma grande vitória." (pág. 178)

Esse é sem dúvidas um livro que deveria ser lido por absolutamente todos! É um romance que prende o leitor e te dá uma visão de mundo sob a perspectiva de quem passa por um trauma e de quem sofre com o bullying!

A história é fantástica, rica em detalhes e que não vai te deixar desgrudar nem por um segundo. Não posso negar que é uma história forte, que mexe com o emocional e é difícil não chorar. É triste e lindo ao mesmo tempo, te faz amar, mas também te faz odiar alguns personagens. Ela te faz parar para refletir e viver cada momento junto com a personagem.

Não há dúvidas que esse livro entrou para a minha lista de favoritos e que a força e coragem da Val são inspiradoras! Já leu esse livo? Me conta o que achou! Conhece algum outro parecido? Deixa qui nos comentários, vou adorar lê-lo!

You Might Also Like

0 comentários

Hey, me conta o que achou! ♥

Wattpad

Citação:

"O amor não é uma brincadeira! Não é a suavidade das flores! É trabalho pesado, uma busca que nunca termina. Exige tudo de você, especialmente a verdade. Somente então lhe concede recompensas."

- A Casa de Hades.

Blog Archive